Escadas Dobráveis: Praticidade e facilidade para todos os ambientes

Úteis para uma variedade de tarefas quotidianas em casa ou na oficina, as escadas dobráveis são ferramentas que lhe permitirão aceder facilmente a áreas que estão fora de alcance. Entre os modelos mais recomendados no mercado está a escada Nawa Taburete com três degraus e uma capacidade máxima de até 150 quilos.

Se o que precisa é de uma escada de sótão com sistema de deslizamento, feita de alumínio e com um comprimento total de três metros, recomendamos a YoungMan 313340.

Guia de Compra: Como Escolher uma Escada Dobrável

Considerada uma ferramenta muito útil em qualquer casa, as escadas permitem-lhe fazer algumas reparações e trabalhos simples, como mudar uma lâmpada suspensa ou pintar uma parede. O mercado oferece todos os tipos de modelos, desde os muito altos feitos de alumínio até os mais compactos feitos de plástico.

Por isso, se não sabe qual das alternativas disponíveis deve escolher, convidamo-lo a ler este guia prático para comprar a melhor escada dobrável. Com ele, saberá quais são os aspectos mais importantes a ter em conta.

O preço

Entre os factores mais importantes a considerar antes de fazer a sua compra, saber quanto custa a escada é muitas vezes uma prioridade, especialmente se tiver um orçamento apertado e estiver à procura de uma alternativa boa e económica.

São várias as características que determinam o preço e a utilidade que pode dar a este produto, como a sua altura, o sistema de dobragem, o material de que é feito, entre outras. Por isso, recomendamos que tenha em conta a utilização que vai dar à escada dobrável antes de fazer o investimento e escolha a que melhor se adapta às suas necessidades.

Altura

A principal função de uma escada é permitir-lhe chegar a zonas muito altas ou fora do seu alcance, pelo que a sua altura é algo que deve ser cuidadosamente analisado antes de efetuar a compra. No mercado atual, é possível encontrar desde modelos compactos com meio metro de altura até escadas profissionais com mais de 7 metros de comprimento.

No caso de ter de efetuar tarefas complicadas, como pintar uma parede, reparar um telhado ou podar uma árvore de grande porte, o ideal é comprar uma escada de cerca de um metro ou mais, para obter bons resultados. No entanto, se a utilizar para um fim mais simples, como fazer uma pequena reparação em casa ou chegar a uma prateleira alta na cozinha, basta comprar uma escada de banco com alguns degraus.

Material

Ao comparar uma escada dobrável, é muito importante certificar-se de que os materiais de que é feita são de alta qualidade e suficientemente resistentes, para que tenha um bom nível de segurança e uma vida útil mais longa. Desta forma, poderá utilizá-la durante mais tempo sem correr o risco de sofrer um acidente devido à sua deterioração.

No fabrico de escadas dobráveis, os fabricantes utilizam frequentemente diferentes materiais, como o alumínio, a madeira ou o plástico. Cada um tem as suas vantagens e desvantagens, para além de influenciar o preço da ferramenta.

Um dos materiais mais utilizados no fabrico de escadas dobráveis é o alumínio, que é adequado para os modelos utilizados tanto no interior como no exterior das habitações ou oficinas, uma vez que apresentam uma boa resistência ao clima e às mudanças de temperatura. Além disso, é preciso dizer que o alumínio costuma ser um material leve e resistente. Por isso, são muito mais fáceis de transportar para qualquer sítio onde sejam necessários.

Por outro lado, os de plástico têm a vantagem de não serem corrosivos e, além de serem muito duráveis, não são condutores de eletricidade, pelo que são adequados para trabalhos eléctricos. Destacam-se também por serem muito resistentes às mudanças de temperatura, bem como por não pesarem muito, o que facilita a sua deslocação.

A madeira é outro material utilizado no fabrico destas ferramentas. No entanto, atualmente, não é a primeira escolha, a não ser que se procure um duplo objetivo de praticidade e decoração. Além disso, tendem a ser consideravelmente mais pesadas do que as de alumínio ou de plástico e requerem mais cuidados e manutenção.

O design

Por fim, o design da escada é outro dos aspectos mais importantes a ter em conta na escolha da sua próxima escada dobrável, uma vez que, consoante o trabalho que vai realizar, terá de escolher um tipo ou outro.

É possível encontrar modelos dobráveis que podem ser transformados e utilizados de diferentes formas, quer totalmente estendidos, como tesoura ou como andaime. Além disso, as suas dimensões e o tamanho dos degraus variam muito, pelo que deve escolher de acordo com o seu conforto e o local onde o vai guardar.

Perguntas frequentes

Considerada uma ferramenta muito útil em qualquer casa, as escadas permitem-lhe fazer algumas reparações e trabalhos simples, como mudar uma lâmpada suspensa ou pintar uma parede. O mercado oferece todos os tipos de modelos, desde os muito altos feitos de alumínio até os mais compactos feitos de plástico.

Por isso, se não sabe qual das alternativas disponíveis deve escolher, convidamo-lo a ler este guia prático para comprar a melhor escada dobrável. Com ele, saberá quais são os aspectos mais importantes a ter em conta.

Como utilizar uma escada dobrável?

A primeira coisa que deve fazer antes de utilizar uma escada rebatível é dedicar algum tempo a conhecer todas as partes da escada, nomeadamente o sistema de fecho. É igualmente aconselhável conhecer o peso máximo que a escada é capaz de suportar, para ter a certeza absoluta de que ela suportará o seu peso e o peso de todos os objectos que subir.

Em seguida, desloque a escada para o local onde vai precisar dela e encoste-a à parede, estendendo-a até ao comprimento necessário ou colocando-a em forma de tesoura, certificando-se de que fica estável na superfície.

Tenha em conta que deve ser formado um ângulo adequado entre o chão e a escada, o que se consegue colocando-a a uma distância da parede de ¼ da sua altura total. Além disso, lembre-se de evitar os pisos irregulares ou pedregosos para evitar qualquer acidente.

Como fazer uma escada de sótão dobrável?

Para fazer uma escada de madeira para o sotão, a primeira coisa a fazer é calcular o espaço que a escada vai ocupar. Uma vez conhecida esta medida, pode cortar a madeira para obter as duas longarinas e cada degrau. Calcula-se a localização de cada um e fazem-se furos nas longarinas para as fixar com parafusos. De seguida, lixe e envernize para obter um bom acabamento e fixe as longarinas no piso superior e na parede que servirá de suporte para o acabamento.

Como abrir uma escada rebatível?

A primeira coisa a fazer é colocar a escada numa superfície estável e plana no local de trabalho. Se vai utilizar a ferramenta em forma de tesoura, abra-a até ao ponto em que o fecho de segurança bloqueia. Por outro lado, se precisar de a estender para alcançar zonas mais altas, levante a patilha de bloqueio e termine de a abrir, encostando-a à parede num ângulo para manter um pouco mais de estabilidade.

De que material é feita uma escada dobrável?

O mercado oferece uma grande variedade de escadas rebatíveis de todos os tipos de materiais, como a liga de alumínio, o metal, a madeira e até o plástico.

Cada material tem os seus prós e contras, pelo que, antes de escolher uma escada, é importante ter em conta a utilização que lhe vai ser dada. No entanto, as escadas de alumínio tendem a ter um ótimo equilíbrio entre peso e resistência, tal como as escadas de plástico ou policarbonato.

O que é melhor, uma escada dobrável ou uma escada telescópica?

Depende da utilização que vai dar à escada e do tipo de trabalho a efetuar, pois cada um destes modelos tem as suas vantagens e desvantagens.

Em primeiro lugar, entre as escadas dobráveis e as escadas telescópicas, as primeiras estão no mercado há mais tempo. Além disso, alguns modelos dobráveis dispõem de um sistema de bloqueio por alavanca, bem como da possibilidade de utilizar a escada tanto totalmente estendida como em tesoura, o que aumenta o seu nível de estabilidade. No entanto, tendem a não ser muito compactas, o que as torna um pouco mais difíceis de transportar no automóvel ou de guardar em locais pequenos. Além disso, têm tendência a pesar um pouco mais do que os escadotes.

Por outro lado, as escadas telescópicas têm um design moderno, bem como um novo sistema de extensão telescópica com botões de bloqueio situados em cada secção que são activados com os polegares. Estas escadas são compactas, pelo que podem ser facilmente transportadas na bagageira de um automóvel ou guardadas em locais compactos.

O que é uma escada rebatível de parede?

Para obter uma maior estabilidade ao subir para uma escada para efetuar trabalhos de reparação ou de pintura, muitos utilizadores encostam frequentemente a escada à parede. No entanto, do ponto de vista criativo, muitas pessoas que vivem em casas compactas têm uma escada rebatível inutilizada e utilizam esta técnica para subir facilmente ao primeiro andar, ao sótão, à mezzanine ou ao beliche superior, sem necessidade de investir uma grande quantia de dinheiro no fabrico de uma escada cara.

Como fixar uma escada dobrável com rodas?

No caso de ter uma escada com rodas, é de importância vital que estas sejam corretamente fixadas para evitar qualquer acidente. Para tal, cada modelo com rodas possui um sistema de bloqueio das rodas, que deve ser ativado antes de subir para a escada. Posicione-a na zona de trabalho e certifique-se de que ativa corretamente o sistema de bloqueio.